Período de férias pede atenção redobrada para evitar afogamentos
Brasil

Período de férias pede atenção redobrada para evitar afogamentos

Período de férias pede atenção redobrada para evitar afogamentos

Corpo de Bombeiros dá dicas de segurança e alerta para os riscos de acidentes em cachoeiras, lagoas e rios

imagem de destaque

Em cachoeiras, não é recomendado saltar em locais desconhecidos Foto: Evandro Rodney

Durante o verão e o período de férias, muitas pessoas procuram diversão em cachoeiras, lagoas e rios. Por isso, o número de afogamentos aumenta em quase 30% quando comparado a outros meses do ano. Em 2018, o Corpo de Bombeiros Militar de Minas Gerais (CBMMG) atendeu a mais de 600 ocorrências envolvendo acidentes desse tipo.

De acordo com o tenente Pedro Aihara, da Assessoria de Comunicação Organizacional do CBMMG, para evitar que o período de férias e de descanso com a família seja interrompido por uma tragédia ou por um acidente grave, é preciso seguir algumas dicas que são extremamente simples.

“Primeiramente, escolha um local seguro, dando preferência para lugares que tenham bombeiros militares ou guarda-vidas realizando a supervisão dos banhistas”, disse o tenente.

As lagoas e os rios são os locais que mais acontecem afogamentos em Minas Gerais. Esses balneários possuem características específicas que potencializam as chances de afogamento. “A água turva ou escurecida de lagoas e cachoeiras podem esconder riscos para os banhistas. Ao nadar em lagos, é preciso tomar cuidado com objetos que estejam submersos. Em cachoeiras, o desnível de uma pedra para outra também pode ser um perigo”, explicou o tenente.

Ao avistar uma pessoa se afogando, o tenente afirma que o mais correto é buscar ajuda de um serviço de emergência. “Caso a pessoa não tenha capacitação para realizar um salvamento, a orientação é que jamais o faça. No máximo ofereça um objeto flutuante para que a vítima possa se apoiar. Ao presenciar um afogamento, ligue, imediatamente, para o 193”.

Clique aqui para conferir mais dicas de como evitar afogamentos.

Brasil

Mais notícias da Categoria Brasil

Programa pode incluir mais 420 mil crianças em situação de vulnerabilidade social

Programa pode incluir mais 420 mil crianças em situação de vulnerabilidade social

Portal Paranaíba 15/07/2019
Abono salarial do PIS/Pasep começa a ser pago dia 25 de julho

Abono salarial do PIS/Pasep começa a ser pago dia 25 de julho

Portal Paranaíba 12/07/2019
Receita libera consulta ao segundo lote do Imposto de Renda

Receita libera consulta ao segundo lote do Imposto de Renda

Portal Paranaíba 12/07/2019
Novo Fundeb apoiará universalização de acesso a creche

Novo Fundeb apoiará universalização de acesso a creche

Portal Paranaíba 05/07/2019
Mais de 46 mil vagas são ofertadas pelo Fies a juro zero

Mais de 46 mil vagas são ofertadas pelo Fies a juro zero

Portal Paranaíba 28/06/2019
Campanha da Nova Previdência é lançada para esclarecer população sobre o tema

Campanha da Nova Previdência é lançada para esclarecer população sobre o tema

Portal Paranaíba 05/06/2019